YMCA Vanderbilt: hospedagem barata e honesta em Nova York

Encontrar hospedagem barata e honesta em Nova York, mais especificamente em Manhattan, não é tarefa das mais fáceis. Embora a cidade tenha uma oferta gigantesca de quartos de hotéis, os preços geralmente são bem altos. Os hostels também não ficam muito atrás: é difícil encontrar quartos por menos de US$ 100, mesmo que compartilhados. Uma boa solução é se hospedar em outras áreas, como o Queens ou o Harlem, mas não era isso que eu queria na minha primeira passagem pela cidade. Embora essas áreas sejam tão seguras quanto qualquer outra e chegar até as principais atrações turísticas seja fácil com o metrô nova-iorquino, eu queria ficar no meio do fervo. Pesquisei muito e encontrei o YMCA Vanderbilt, um misto de hostel com hotel em plena 47th street com 3rd Avenue.

Mas o que é YMCA?

Lembra da música do Village People, onde eles dizem que “it’s fun to stay at the YMCA”? Pois bem, a YMCA é uma organização mundial que promove o bem estar, através de educação e atividades físicas. Aqui, pertinho da minha casa, tem um colégio e uma espécie de clube da ACM (versão brasileira da YMCA), então digamos que eu já tenha uma certa confiança na “marca”, o que foi fundamental também na minha decisão.

A estrutura do YMCA Vanderbilt

Já vou começar entrando de sola: não espere luxos no YMCA Vanderbilt, porque não tem. O lugar é pensado como um alojamento barato para quem visita Nova York, por qualquer motivo que seja. Mas o prédio é bem honesto, sempre muito limpo. De cara você já vê a academia, enorme e com equipamentos bem novos, que podem ser utilizados pelos hóspedes. O lugar também conta com uma piscina, mas no frio que peguei em maio nem pensei em conhecer. Vi que por lá também rolam atividades com crianças, e vira e mexe eu via os pequenos na salinha se divertindo.

O ho(s)tel é bem seguro, e você só tem acesso ao elevador (era pra ser dois, mas um passou a semana inteira em manutenção) depois que mostrar a chave aos recepcionistas. Esse elevador estragado foi um pouco problemático, pois o outro demorava horrores, e como meu quarto ficava no nono andar, as escadas estavam fora de cogitação.

O lugar também conta com uma cozinha equipada e uma sala de TV. Em algumas noites eu comprei coisas congeladas na farmácia da esquina e esquentava por ali mesmo, o que rendeu uma bela de uma economia.

Os quartos do YMCA Vanderbilt

Já que aqui a gente trabalha com honestidade, vou ser reta e direta: o quartinho do YMCA Vanderbilt é bem simples. Bem simples mesmo. O meu quarto tinha uma cama de solteiro, uma mesa de trabalho, uma TV antiga, um frigobar e uns cabides pra pendurar as minhas roupas. Só. Quando cheguei parecia um quartinho de convento, mas à medida que fui me “espalhando” o espaço ficou mais confortável e com a minha carinha (ou seja, com muitas comprinhas espalhadas pelo lugar).

O lado bom é que a internet pegava muito bem no quarto, então pude trabalhar de dia e assistir uns episódios de séries no Netflix à noite. Por outro lado, os quartinhos eram muito próximos uns dos outros, então não rola muito silêncio. E uma das minhas vizinhas tinha um bebê que chorava bastante – não chegou a atrapalhar meu sono, mas fica o aviso.

O quarto que eu escolhi era o mais simples e não tinha banheiro privativo. Então vira e mexe eu tinha que percorrer os corredores para usar o banheiro ou os chuveiros. O lado bom é que as toalhas eram limpinhas, e que os banheiros estavam sempre bem limpos.

Ou seja, pelo que eu paguei (cerca de US$ 90 por noite) foi lindeza!

A localização do YMCA Vanderbilt

Achei a localização muito boa. Ele fica relativamente perto da ONU, bem perto da Grand Central Station, e dava pra ir e voltar de lugares como o Rockefeller Center e a Times Square caminhando, numa boa. A vizinhança é bacana: tem CVS na esquina, uma Bread & Butter quase na frente (e que muitas vezes salvou minha vida), um Starbuck’s na esquina também (mas qual esquina em NYC não tem?) e vários bares e restaurantes por perto.

ymca vanderbilt
Lanchinhos da Bread & Butter que salvaram minha vida!

A única coisa que me incomodou um pouco é que não tem nenhuma estação de metrô bem perto. Cada vez que eu saía eram várias quadras pra chegar até o metrô, o que foi pesando com o passar do tempo. Nos últimos dias, com aquele cansaço típico da viagem, acabei usando Uber e Lyft pra descer já na porta do YMCA Vanderbilt.

Conclusão

Orçamento apertado não é desculpa pra não visitar Nova York! O YMCA Vanderbilt é uma boa opção para quem não quer (ou não pode) gastar muito com hotel. É um lugar simples, mas que atende perfeitamente às necessidades de quem só vai para o hotel dormir.

 

16 thoughts on “YMCA Vanderbilt: hospedagem barata e honesta em Nova York

  1. Oi… esse é o localizado no endereço West Side em 5 West 63rd Street? Obrigado

  2. Que legal, eu fui aluno da ACM por algum tempo aqui no Rio de Janeiro, e não sabia que a YMCA tinha essa opção em Nova York. Muito legal sua dica, vale realmente muito a pena!

  3. Ainda não fui a NY, então terei em consideração as suas dicas. Não me incomoda que as instalações sejam simples, desde que limpas, mas o barulho preocupa-me um pouco, já que tenho um sono muito leve. A localização parece óptima.
    Grata pela partilha.

  4. Sempre imaginei que Nova York fosse uma cidade cara. Mas atualmente tenho visto formas de aproveitar com um bom custo x beneficio.

  5. Ótimas dica! Adoro dicas de hospedagem, principalmente se for em Nova Iorque e for barata. Dica anotada. Obrigada. Bjs

  6. Que dica legal e adorei a objetividade do post. Engraçado como um quartinho pode ganhar nossa cara, como a gente acaba rapidinho falando ‘vou pra casa’, mesmo num hotel…

  7. Nossa, não sabia que os valores de hospedagem em NY eram tão elevados, bom saber que tem esse aí que é mais acessível, além de ser pertinho de todas esses pontos. Deve ser muito bom levantar e chegar rapidinho na Times Square e ver toda aquela agitação! rss
    Adorei a dica!

  8. Boa tarde, voce sabe me dizer se la tem quartos para 3-4 pessoas?
    Obrigada!

  9. òtimas dicas! á pensei em ficar no YMCA em NY mas acabei desistindo, na próxima vez que for na cidade vou investir na opção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *