Review: Hotel Complejo Laderas del Cerro em Piriápolis (Uruguai)

Laderas del Cerro em Piriápolis

O Laderas del Cerro foi um grande achado e parte fundamental na viagem. Nem tudo foram flores e vou explicar um pouco os pontos negativos no decorrer do post. Porém, mesmo assim, o saldo foi positivo e tanto eu quanto minhas amigas voltaríamos a ficar hospedadas lá.

Por volta de um mês antes de viajarmos, aconteceram alguns imprevistos e tivemos que repensar a viagem. Mudamos o destino, cancelamos reservas e fomos atrás de outro hotel no destino novo, Piriápolis. Precisávamos de um quarto triplo e com um preço acessível. Com esses requisitos, a Bruna encontrou o Complejo Laderas del Cerro, que estava com preços promocionais. Para 4 diárias, de 10/3 a 14/3, e três pessoas o valor era de US$180, ou no câmbio da época, aproximadamente R$ 560.

Um dos pontos negativos foi a forma de pagamento. Após a reserva, tivemos que fazer uma transferência via Western Union para o hotel, pagando a primeira diária. Sim, Western Union! E foi uma mão tremenda essa transação. Primeiro, ter que ir até o banco (quem ainda vai ao banco hoje em dia?). Depois, o processo só, de fato, efetuado por São Paulo, aí foram alguns dias esperando para ter o comprovante de depósito para enviar ao Hotel. Além de nada conveniente (por que não aceitar cartão de crédito?), a transferência teve um custo relativamente alto: R$ 65,84. No fim das contas, com os câmbios e a transferência, o custo da nossa estadia ficou em R$ 665. Mais caro que o previsto originalmente, mas ainda assim ótimo preço por pessoa/por diária.

Além dos problemas do pagamento, o fato de não ter wifi e de termos sido bem mal atendidas na chegada, já tinha nos deixado bem desapontadas e de má vontade com o hotel. O quarto parecia ok até que..

Uma hospedagem cabeluda

Depois de ficarmos o dia inteiro na estrada, tudo que a gente queria era dormir. Fui a primeira a ir no banheiro e, não tem melhor forma de dizer isso, tinha um pentelho imenso no acento do vaso sanitário. Isso já nos deixou em alerta, mas o cansaço não nos permitiu dar tanta importância para isso. Só que as coisas ficariam mais cabeludas ainda. Ao puxar as roupas de cama para dormir, um cabelo na cama. Depois mais outro e manchas, muitas manchas suspeitas no lençol. Eu não sou das pessoas mais nojentas, porém não me agradou nem um pouco pensar em dormir em lençóis já usados por desconhecidos. Na cama da Bruna, uma surpresa pior: manchas de sangue!

Aceitei a missão de ir à administração pedir lençóis novos. Chegando lá, ela estava fechada e só tinha um tiozinho dormindo em uma cadeira. Espécie de guardinha-zelador, ele foi um querido e conseguiu lençóis limpinhos. Ao trocar as roupas de cama, descobri uma coisa que talvez ninguém nunca queira ver: travesseiros de hotéis. Gente, são algo terrível. Sério, nunca tirem as fronhas! Além disso, as cobertas tinham um cheirão de chulé. Depois de arrumar as camas e escolher a coberta menos fedorenta, começamos a procurar por um novo hotel. Estávamos todas indignadas e com vontade de sair de lá o mais rápido possível. Ao ver que não encontraríamos outro lugar com o mesmo preço e, mesmo os com preços similares, não teria a mesma infraestrutura a oferecer. Decidimos continuar no hotel e fazer uma reclamação na administração.

Pontos positivos

Acabamos não reclamando. Sabe como é, o cansaço nos deixou mais irritadas e ao acordar e nos deparar com uma vista destas, decidimos esperar para ver como ia ficar.

Laderas del Cerro

Não conseguimos aproveitar as piscinas externas – eram duas ‘adultas’ e outras duas para crianças. Mas a infraestrutura oferecida nos deixou bem contentes com a escolha. Tinham diversas áreas de convivência e aproveitamos algumas delas para beber, rir e falar da vida durante as noites da nossa estadia. Como essas cadeiras na rua à direita na foto.

Laderas del Cerro

Não tinha wifi nos quartos, mas havia uma sala ao lado da administração em que era possível conseguir internet. Não chegamos a utilizar, pois compramos chips de operadoras locais. O hotel também oferecia uma quadra de esportes, muito verde – que dava uma tranquilidade – e uma piscina térmica aberta das 9h às 21h (as externas poderiam ser utilizadas 24h por dia).

Laderas del Cerro
Outros locais que foram cenário das nossas noites divertidas

O quarto tinha ar condicionado, televisão, uma espécie de varandinha e três camas – uma de casal imensa e duas de solteiro.

Laderas del Cerro
Uma das camas de solteiro virou guarda-malas
Laderas del Cerro
No último dia, ganhamos uma cama mega arrumada

O café da manhã tinha muitos tipos de pães. Muitos mesmo. E, até então, nunca tinha passado pela nossa cabeça a possibilidade de isso ser algo ruim, mas como a maioria era doce, na verdade se tornou algo enjoativo. Porém, nada que interfira na qualidade do oferecido.

Laderas del Cerro

Quanto a localização ele fica numa parte bem alta da cidade, como o nome já sugere, então talvez não seja a melhor opção para quem for viajar de ônibus e queira andar e utilizar transporte público/táxi. Não é  longe da praia e da cidade em si, mas a subida pode ser um ponto negativo para os mais sedentários (tipo eu!).

Como disse lá no início, apesar de todos os pontos negativos, tivemos uma estadia bem agradável no Laderas del Cerro. Fora a dona do hotel, que nos tratou bem mal quando chegamos, o resto do pessoal foi sempre muito atencioso. No restante dos dias, o nosso quarto sempre esteve limpinho, com tudo em ordem. Acreditamos que tenha havido um erro e tenham esquecido de preparar o quarto para uma nova hospedagem. O resto dos dias foram tão bons e gostamos tanto do local, que nem lembramos de reclamar de nada.  No fim das contas, saímos de lá com vontade de voltar na alta temporada para aproveitar ainda mais toda a infraestrutura disponível.

11 thoughts on “Review: Hotel Complejo Laderas del Cerro em Piriápolis (Uruguai)

  1. Nossa Mariana, você é uma pessoa muito positiva rsrs… isso é muito bom e com certeza você vive melhor que muitos (que eu) rsrs Eu já teria ficado MUITO irritada com a forma de pagamento, chegar cansada e me deparar com tudo isso iria me deixar ainda mais irritada e com receio de dormir em um lugar desse.

    Tenho certeza que irritação não adianta em nada nesses momentos, mas eu com certeza tinha ido embora no dia seguinte! Uma pena, pq pelas fotos o lugar me parece ser lindo!

  2. Geeente, a infra tudo hotel parece ótima, mas não dei conta de segurar um: ECA com a história cabeluda… vocês até que levaram numa ótima, hein?! O que o cansaço não faz. Eu nunca tinha ouvido falar em Piriápolis, agora pelo menos já sei onde ficar. Ou não, né?! Hehehehehe.

  3. Quero distância desse hotel! Não faço questão de luxo, mas sou mega exigente com limpeza e lençol sujo não dá, viu!
    Se um dia for pra lá já sei onde não me hospedar.
    Mas que bom que vocês não se abateram com essa experiência ruim e aproveitaram o que de bom tinha na viagem! atitude positiva é tudo!

  4. Gosto de reviews assim, sinceros e honestos. A coisa de fazer transferência por western union já me brocharia completamente… Parabéns pela persistência, especialmente depois dos pelos, cabelos e sangue nos lençóis! que aventura!

  5. Não conhecia esse hotel nem essa região… Apesar dos percalços iniciais, ainda bem que tudo se resolveu depois!!! Obrigada por ter compartilhado a sua experiência…

  6. Credo, a primeira impressão foi bem ruim, né? Não sei se ia gostar de ficar em um hotel com risco de chegar no meu quarto e ele estiver assim, mesmo que seja no primeiro dia. A infraestrutura parece ser bem boa, mas a questão da higiene me deixou um pouco com o pé atrás…

  7. Pelas fotos o hotel parece ser bem legal mesmo, mas essas coisas do quarto me deixaram totalmente desanimada!!! A condição da cama é a coisa que mais acho importante em uma hospedagem, justo pq passamos muito tempo em contato direto com ela né… Você foi muito tranquila conseguindo se manter positiva haahhaha

  8. bahh velho mancha de sangue pqp tnc toma review negativo mesmo, pedia na caruda desconto no negocio e ainda falava pros outros hospedes, q tipo de porquice eh essa credo

  9. Eu não sou nada esquisito nos hotéis mas essa cenas que apareceram na cama são de facto lamentáveis, sobretudo para um alojamento dessa craveira. Espero que tenhas sido bem compensado pelo sucedido! Obrigado pelo review.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *