Dicas de etiqueta para evitar o ódio das comissárias de bordo

dicas de etiqueta

Trabalhar com pessoas poder ser divertido e recompensador, mas quase sempre é um grande desafio. Pois, para cada 10 pessoas gentis e bem-educadas, deve ter o dobro de gente grossa, sem noção e que se acha o centro das atenções. Imagina para quem trabalha a 10 mil pés de altitude, confinado em um avião, sem ter para onde fugir dos clientes que se acham sempre com razão? Sim, as comissárias de bordo (e comissários também) devem sofrer um bocado na mão daquelas pessoas que acreditam “que o aeroporto está virando rodoviária”. 

Recentemente, um Instagram justamente desses profissionais virou hit ao expor o comportamento sem noção de alguns passageiros em companhias áreas do mundo todo. O perfil @passengershaming  flagra os atos mais vergonhosos possíveis de se fazer durante um voo. Vou confessar que já pratiquei muitos deles, principalmente aqueles que mostram situações onde pés e pernas são colocados em lugares inconvenientes. Outros me deram boas ideias. Mas em minha defesa, eu sempre uso meias!

Para não estar entre os flagras do Instagram, não ganhar o ódio eterno das comissárias de bordo ou apenas em nome das boas maneiras, damos algumas dicas de etiqueta com atitudes a evitar e outras a serem sempre praticadas.

1) Não aperte o botão de chamada mais de uma vez

dicas de etiqueta

É bem provável que outras coisas estejam sendo resolvidas e assim que possível você será atendido. Insistir só estressará as atendentes e em voos que podem durar 12 horas você não vai querer uma comissária de bordo ‘de mal’ com você.

2) Não cutuque, puxe a roupa ou dê tapinhas para chamar a atenção

dicas de etiqueta

Sério. Não. E isso serve para qualquer situação na vida.

3) Evite deixar pernas, pés, braços, cotovelo invadirem o corredor
dicas de etiqueta
@passengershaming

Os corredores geralmente são apertados. Assim como o espaço da poltrona, eu sei, mas evite deixar qualquer parte do seu corpo para fora desse espaço, invadindo o corredor. A tripulação precisa passar por ali constantemente e você não quer ser o responsável por um acidente de trabalho, não é mesmo?

4) Tente se manter limpo e organizado durante o voo
dicas de etiqueta
@passengershaming

Sabe aquele bolsinho na sua frente? Então, ele não é uma lixeira. Até pode servir como uma temporariamente. Mas as comissárias de bordo passam constantemente recolhendo o lixo. Seja educado e entregue tudo que quiser dispensar. Às vezes o tempo entre um voo e outro pode ser curto ou ainda outra pessoa pode utilizar o seu mesmo assento assim que você sair, em casos de conexão. Não deixe o espaço parecendo um quarto de adolescente. E também não vale grudar chiclete embaixo da poltrona. Use um guardanapo, pedaço de papel e etc. e depois jogue no lixo.

5) Utilize o banheiro como uma pessoa civilizada
dicas de etiqueta
@passengershaming

Abaixe a tampa, faça o que tiver que fazer, use o papel higiênico, coloque no local indicado, lave suas mãos, seque-as, seque a pia e depois coloque o papel no local indicado, saia do banheiro. Viu como é simples?

6)Nem pense em colocar a higiene pessoal em dia
dicas de etiqueta

Bom senso gente. Não só a comissária de bordo gostará muito mais de você, como as pessoas próximas também. Sabemos que longas horas de voo podem ser um ‘desperdício’ de tempo, ainda mais para aqueles que viajam muito a trabalho. Mas, sério, esse não é o local para tirar a sobrancelha, tirar a cutícula, pintar as unhas, espremer espinhas, cravos e etc.

7) Controle seu filho durante o voo
dicas de etiqueta

Já falamos sobre isso em um post anterior. Sabemos que crianças podem ficar inquietas, que deve ser um saco aguentar todas essas horas. Se adultos quase não conseguem, imagina para os menores! O problema mesmo é quando a criança faz do avião um parque de diversões, grita, corre e toca o terror tanto nos outros passageiros quanto nas pobres aeromoças e os pais ficam lá, sentadinhos, com cara de paisagem aproveitando um filminho.

8) Avião não é motel
dicas de etiqueta
@passengershaming

Tá, tem todo o negócio do fetiche e tals. Mas gente, bom senso, bom senso.

9) Não pressione o botão de chamada durante uma turbulênciadicas de etiqueta

Assim como você tem que ficar quietinho, rezando para todos os santos e deuses, no seu lugar, com o cinto preso, o pessoal da tripulação precisa fazer o mesmo. Questão de segurança, people. Nesses momentos ninguém se importará se você quer água, um cobertor extra ou só quer reclamar que o fone não funciona.

10) “Com licença”, “Por favor” e “Obrigada” sempre

dicas de etiqueta

Dispensa explicações, mas é sempre bom ressaltar. Boa educação não é dinheiro, mas usá-la em excesso demostra muito mais finesse que qualquer item de luxo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *